Acolhes a minha tristeza?

September 21, 2020

Os dias não são todos iguais. Eu não sou perfeita nem quero ser. Eu sei que gostas do meu sorriso, mas também acolhes o meu choro e a minha tristeza? A minha vida não é fácil. Eu sei que muita gente diz que tenho uma vida perfeita. Não tenho! Longe disso! Alguém terá (vista por dentro)? Tenho altos e baixos. Sabes bem que adoro sorrir. Porém, não consigo estar sempre a sorrir. Há dias em que estou triste. Contigo não quero usar máscaras. Quero ser uma pessoa real. Não quero ser um produto idealizado de uma mente fantasiosa. Se me amas, como dizes repetidamente e como me tens demonstrado, compreendes que quero ter a liberdade de ser eu própria. Isso implica que não vou sorrir todos os dias. Não me vou maquilhar todos os dias. Não vou vestir a roupa mais bonita que tenho de segunda a domingo. Não vou estar sempre disponível para te escutar, mesmo que tragas uma novidade que te deixou a sorrir de orelha a orelha. Não vou sorrir e achar piada a tudo. Não vou estar presente de corpo e alma a cada instante que passa. Não vou! Não sou capaz! Ser eu própria não é só sorrir. Ser eu própria também é irritar-me, entristecer, desiludir-me, passar-me da cabeça, dizer asneiras e não ter paciência. Quero ter essa liberdade. Sobretudo, quero ter essa liberdade contigo. O que seria a nossa vida se não pudéssemos viver assim com quem mais amamos?

 

 

 

Share on Facebook
Share on Twitter
Please reload

Posts Em Destaque

Ouço tanto «eu» entre nós!

September 29, 2020

1/8
Please reload

Posts Recentes

September 21, 2020

September 7, 2020

August 24, 2020

July 12, 2020

June 30, 2020

Please reload

Arquivo
Please reload

Procurar por tags